• Writer's Room 51

Leia roteiros de séries premiadas em 2018 e 2019

Trazemos 8 dos roteiros de série mais populares para inspirar novos jeitos de escrever narrativas seriadas

Barry
Barry. Imagem: HBO

Nos últimos anos, acompanhamos o lançamento de muitas séries e minisséries de TV e streaming super interessantes, tanto em termos narrativos como de produção. Nesse contexto, sabemos que todo roteirista, diretor e profissional audiovisual curte se ligar em assistir as séries mais populares do momento. Mas e quanto a ler os roteiros?


Uma parte fundamental da carreira artística audiovisual é o estudo de estruturas, construções e caminhos narrativos existentes por aí. Isso pode ser exercitado através da leitura de roteiros, algo muito difundido no mercado hollywoodiano.

Succession
Succession. Imagem: UOL

Além de sanar a curiosidade de saber como o piloto da nossa série favorita (alô Succession) foi escrito, temos a oportunidade de ver na prática como se estrutura certas sequências dramáticas ou se expressa certos traços de personagem.


Por isso, já trouxemos em outro post 10 roteiros de longas-metragens de destaque em 2019. Agora é a vez das narrativas seriadas que fizeram bonito nos últimos anos e que têm muito a oferecer.


Veja nossa seleção abaixo!


Roteiros de séries em destaque para ler

Fleabag
Fleabag. Imagem: The Playlist

Levando troféus em eventos de prestígio, como o Globo de Ouro e o Emmy, as séries abaixo possuem roteiros riquíssimos de ferramentas narrativas. Todos os roteiros são originais e em inglês.


Se você tiver acesso a um roteiro brasileiro original e atual, compartilhe conosco pelo Facebook!


1. Succession (HBO)

Succession
Succession. Imagem: HBO

Sinopse: Acompanha a disfuncional família Roy em seus empreendimentos bilionários e intermináveis jogos de poder.


Por que ler? Além de ter vencido 2 Globos de Ouro, 2 Emmys, 1 BAFTA e mais uma penca de prêmios, Succession é um drama de peso em todas as questões estético-narrativas. O criador Jesse Armstrong já havia exercitado muito bem a criação de personagens complexos na comédia política "Conversa Truncada" (In The Loop, 2009). Em Succession, que é sobre uma família que navega pela corrupção corporativa nos EUA, ele traz uma constante relação de poder que é articulada entre os personagens, resultando em diálogos impressionantes. O protagonismo aqui vai para personagens totalmente deploráveis, mas que prendem a atenção do espectador e oferecem reais dramas humanos. Confira o roteiro do episódio 10 da 1ª temporada e aproveite uma boa dose de excelente construção de personagens.


Leia o roteiro da season finale (episódio 10) da 1ª temporada de Succession



2. Fleabag (BBC/Amazon Prime Video)

Fleabag
Fleabag. Imagem: The Sun

Sinopse: Fleabag, uma jovem adulta, tenta lidar com a vida e relacionamentos em Londres enquanto enfrenta uma tragédia recente.


Por que ler? A comédia assinada por Phoebe Waller-Bridge teve um sucesso absoluto com sua segunda temporada, produzida pela Amazon. Arrecadando 39 prêmios (até agora), inclusive 6 Emmys e 2 Globos de Ouro, Fleabag é uma adaptação semi-biográfica de uma peça dramática. Além disso, sua protagonista se utiliza da quebra da quarta parede para construir um diálogo cômico e honesto com o público. O roteiro de Waller-Bridge é original e traz abordagens narrativas simples, mas que possuem várias camadas em si. 


Leia o roteiro do episódio piloto de Fleabag


Leia o roteiro do episódio piloto da 2ª temporada de Fleabag



3. Chernobyl (HBO)

Chernobyl
Chernobyl. Imagem: HBO

Sinopse: Acompanha os eventos de abril de 1986, quando uma explosão na usina nuclear de Chernobyl, na URSS, se torna uma das piores catástrofes provocadas pelo homem até hoje.


Por que ler? O projeto de longa data do criador e roteirista Craig Mazin deu muito o que falar em 2019. Fazendo a limpa no Emmy 2019, ganhando 10 prêmios, a minissérie biográfica de drama ainda levou mais 2 Globos de Ouro e ficou no topo de audiência. Com um roteiro contemplativo e maduro, Chernobyl traz uma ótima versão de uma narrativa histórica. Confira o roteiro da minissérie para ter insights sobre como adaptar um evento histórico de peso para a televisão de modo elegante e autoral.


Leia o roteiro do episódio piloto de Chernobyl



4. Barry (HBO)

Barry
Barry. Imagem: AdoroCinema

Sinopse: Um assassino por aluguel se muda para Los Angeles e encontra sua vocação nos palcos teatrais.


Por que ler? Uma das surpresas da televisão foi Barry, a série de comédia/drama/ação co-roteirizada pelo ator e roteirista Bill Hader e o gigante Alec Berg (Seinfeld; Silicon Valley). Premiada no Emmy 2018 e 2019, a série traz um tom único e dificilmente categorizado - algo raro de se conseguir na televisão hoje em dia. A crítica do The Guardian até comparou a série a Breaking Bad pelo tratamento temático do mundo do crime, sempre um assunto que rende muito. Aproveite o piloto de Barry para uma boa aula sobre ritmo e maestria na construção de um autêntico universo narrativo.


Leia o roteiro do episódio piloto de Barry



5. Homecoming (Amazon Prime Video)

Homecoming
Homecoming. Imagem: Amazon

Sinopse: Heidi trabalha na Homecoming, uma instituição que ajuda soldados na transição para o cotidiano civil. Anos depois, quando o Departamento de Defesa questiona sua saída de lá, Heidi percebe que protagonizou uma história completamente diferente da que ela conta a si mesma.


Por que ler? Um dos criadores de Homecoming, indicada ao Emmy e ao Globo de Ouro, é Sam Esmail, a mente por trás de Mr. Robot: Sociedade Hacker (Mr. Robot, 2015). Além de ser incrivelmente bem dirigida, a série apresenta seu ritmo misterioso no roteiro, onde cada detalhe do local é importante e narrativo. Em termos de atrativos principais, Homecoming é uma história que se passa em duas temporalidades. Elas se complementam e se contradizem de um modo impressionante, desaguando em atraentes técnicas de linguagem para denotar essas transições (tanto na tela quanto no papel). Desafie seu vocabulário de temporalidades e ferramentas narrativas lendo o roteiro de Homecoming.


Leia o roteiro do episódio piloto de Homecoming



6. The Crown (Netflix)

The Crown
The Crown. Imagem: El País

Sinopse: Segue as rivalidades políticas e o romance durante o reinado da rainha Elizabeth II e os eventos que moldaram a segunda metade do século XX.


Por que ler? Outra adaptação biográfica de sucesso, The Crown ajudou a elevar a idéia de série "original Netflix", trazendo uma super produção sobre a monarquia britânica. Com uma protagonista obviamente muito ativa na trama, a série do criador Peter Morgan traz um ambicioso panorama histórico lotado de personagens e vozes diferentes. Além disso, a personagem da Rainha Elizabeth II, por exemplo, precisava ser construída de modo a poder ser devidamente interpretada por várias atrizes diferentes (premiadas, inclusive). Portanto, é um estudo de personagem e dramas internos que culminam em grandes feitos. Descubra um pouquinho dos artifícios usados para isso lendo o piloto da série.


Leia o roteiro do piloto de The Crown



7. Fargo (FX/Netflix)

Fargo
Fargo. Imagem: Entertainment Weekly

Sinopse: Várias crônicas sobre enganos irônicos, intriga e assassinatos dentro e ao redor de Minnesota. No entanto, todos esses contos misteriosamente levam de um jeito ou de outro a Fargo, na Dakota do Norte.


Por que ler? Um dos feitos da narrativa antológica atual, Fargo é uma adaptação bem livre do universo fílmico do filme homônimo de Joel e Ethan Coen. Criada por Noah Hawley, a série conta histórias diferentes a cada temporada, mas com enredos que conservam aspectos muito semelhantes entre si. A construção e orquestração de um universo próprio e cheio de regras específicas fica muito evidente já no roteiro. Gosta de uma boa narrativa irônica e cheia de truques narrativos divertidos? Experimente ler o piloto de Fargo e acompanhar a quarta temporada, que estréia ainda esse ano.


Leia o roteiro do piloto de Fargo



8. Objetos Cortantes (HBO)

Sharp Objects
Sharp Objects. Imagem: HBO

Sinopse: Uma repórter enfrenta os demônios psicológicos de seu passado quando ela volta para sua cidade natal para cobrir um assassinato violento.


Por que ler? A adaptação televisiva do livro homônimo de Gillian Flynn tem muitos atributos atraentes já no roteiro. Criada pela experiente roteirista e produtora Marti Noxon (Buffy: A Caça-Vampiros; UnREAL), Objetos Cortantes (Sharp Objects) também venceu um Globo de Ouro, aposta num protagonismo feminino forte e muitos cortes temporais. O modo como os flashbacks são introduzidos na narrativa é belo e sutil, trazendo uma força artística admirável para o texto dramático. Outro ponto forte são as relações entre as personagens, bem estabelecida e muito mutável ao longo da série. Para quem curte adaptações literárias bem feitas e ótimas protagonistas femininas, o roteiro de Objetos Cortantes tem muito a oferecer.


Leia o roteiro do episódio piloto de Objetos Cortantes




Essa foi a nossa seleção dos melhores roteiros de séries dos últimos anos para ler. Qual o seu favorito? Qual outra série você gostaria de ver na lista?


#roteiro #séries #minissérie #downloads #TV #streaming

1,850 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo