• Writer's Room 51

Oscar implementa mudanças históricas de representatividade

O anúncio da estrita mudança de paradigmas na categoria de Melhor Filme promete aumentar diversidade na premiação

"Moonlight" - Imagem: reprodução

Há muitos anos que a Academia de Artes e Ciências Cinematográficas, responsável pelo Oscar, está em débito quanto à diversidade nos filmes premiados. Mas esse cenário está mudando - e mudanças práticas nos requisitos para a categoria de Melhor Filme de 2024 foram anunciadas nesta terça (8).


Para você ficar por dentro, traduzimos e adaptamos a matéria do The Hollywood Reporter que explica todos os novos pré-requisitos de representatividade que o filme candidato precisa ter. Confira!


O que mudou na categoria de Melhor Filme?

Parasita, ganhador do último Oscar de Melhor Filme. Imagem: reprodução

“Para incentivar a representação equitativa dentro e fora da tela, a fim de refletir melhor a diversidade do público que vai ao cinema”, os filmes deverão atender aos requisitos mínimos de representação e inclusão para concorrer ao Oscar de Melhor Filme a partir da 96ª corrida do Oscar (que reconhecerá as conquistas de 2024 e será realizada em 2025).


Nesse ínterim, um formulário de Padrões de Inclusão da Academia terá que ser enviado à Academia para que um filme seja considerado para o 94º Oscar (reconhecendo filmes de 2021 lançado após 28 de fevereiro) e 95º Oscar (reconhecendo filmes de 2021). E nenhuma ação será necessária para filmes que desejem concorrer ao 93º Oscar, que será realizado no dia 25 de abril.


Começando com o 96º Oscar, um filme terá que atender a pelo menos dois dos quatro padrões a seguir para ser elegível para o melhor filme.


PADRÃO A: REPRESENTAÇÃO NA TELA, TEMAS E NARRATIVAS


Para atingir o Padrão A, o filme deve atender a UM dos seguintes critérios:

  • Atores principais ou coadjuvantes importantes: pelo menos um dos atores principais ou coadjuvantes significativos precisa pertencer a um grupo racial ou étnico sub-representado:

Asiática; Hispânico/latino; Negro/afro-americano; Indígena/Nativa americana/Nativa do Alasca; Oriente Médio/Norte da África; Havaiano nativo ou outro ilhéu do Pacífico; Outra raça ou etnia sub-representada.


  • Elenco geral: pelo menos 30% de todos os atores em papéis secundários e mais secundários pertencem a pelo menos dois dos seguintes grupos sub-representados:

Mulheres; Grupo racial ou étnico; LGBTQ+; Pessoas com deficiências cognitivas ou físicas, ou surdas ou com deficiência auditiva.


  • Enredo principal/assunto: o enredo principal, tema ou narrativa do filme precisa ser centrado em um grupo sub-representado:

Mulheres; Grupo racial ou étnico; LGBTQ+; Pessoas com deficiências cognitivas ou físicas, ou surdas ou com deficiência auditiva.


PADRÃO B: LIDERANÇA CRIATIVA E EQUIPE DE PROJETO


Para atingir o Padrão B, o filme deve atender a UM dos critérios abaixo:

  • Liderança criativa e chefes de departamento: pelo menos duas das seguintes posições de liderança criativa e chefes de departamento - roteirista, diretor de elenco, diretor de fotografia, compositor, figurinista, diretor, editor, cabeleireiro, maquiador, produtor, desenhista de produção, decorador de set, som, supervisor de efeitos visuais - são dos seguintes grupos sub-representados:

Mulheres; Grupo racial ou étnico; LGBTQ+; Pessoas com deficiências cognitivas ou físicas, ou surdas ou com deficiência auditiva.


  • Pelo menos uma dessas posições deve pertencer ao seguinte grupo racial ou étnico sub-representado:

Asiática; Hispânico/latino; Negro/afro-americano; Indígena/Nativa americana/Nativa do Alasca; Oriente Médio/Norte da África; Havaiano nativo ou outro ilhéu do Pacífico; Outra raça ou etnia sub-representada.

  • Outras funções-chave: pelo menos seis outros cargos de equipe e técnicos (excluindo assistentes de produção) devem ser de um grupo racial ou étnico sub-representado. Essas posições incluem, mas não estão limitadas a Primeiro AD, Gaffer, Supervisor de Roteiro, etc.


  • Composição geral da equipe: pelo menos 30% da equipe do filme pertence aos seguintes grupos sub-representados:

Mulheres; Grupo racial ou étnico; LGBTQ+; Pessoas com deficiências cognitivas ou físicas, ou surdas ou com deficiência auditiva.


Parasita. Imagem: ISTOÉ

PADRÃO C: ACESSO E OPORTUNIDADES DA INDÚSTRIA


Para atingir o Padrão C, o filme deve atender AMBOS os critérios abaixo:

  • Aprendizagem remunerada e oportunidades de estágio: a distribuidora ou financiadora do filme deve ter pago estágios que são dos seguintes grupos sub-representados e atendem aos critérios abaixo:

Mulheres; Grupo racial ou étnico; LGBTQ+; Pessoas com deficiências cognitivas ou físicas, ou surdas ou com deficiência auditiva.


Os principais estúdios/distribuidores são obrigados a ter aprendizagens/estágios remunerados e contínuos, incluindo grupos sub-representados (também deve incluir grupos raciais ou étnicos) na maioria dos seguintes departamentos: produção/desenvolvimento, produção física, pós-produção, música, efeitos visuais, aquisições, negócios, distribuição, marketing e publicidade.


Os mini-grandes estúdios/distribuidores independentes devem ter um mínimo de dois aprendizes/estagiários dos grupos sub-representados acima (pelo menos um de um grupo racial ou étnico sub-representado) em pelo menos um dos seguintes departamentos: produção/desenvolvimento, produção física, pós-produção, música, VFX, aquisições, negócios, distribuição, marketing e publicidade.


  • Oportunidades de treinamento e desenvolvimento de habilidades (equipe): a empresa de produção, distribuição e/ou financiamento do filme devem oferecer treinamento e/ou oportunidades de trabalho para o desenvolvimento de habilidades abaixo da linha para pessoas dos seguintes grupos sub-representados:

Mulheres; Grupo racial ou étnico; LGBTQ+; Pessoas com deficiências cognitivas ou físicas, ou surdas ou com deficiência auditiva.


PADRÃO D: DESENVOLVIMENTO DE PÚBLICO


Para atingir o Padrão D, o filme deve atender aos critérios abaixo:

  • Representação em marketing, publicidade e distribuição: o estúdio e/ou empresa cinematográfica deve ter vários executivos seniores internos dentre os seguintes grupos sub-representados (deve incluir indivíduos de grupos raciais ou étnicos sub-representados) em suas equipes de marketing, publicidade e/ou distribuição:

Asiática; Hispânico/latino; Negro/afro-americano; Indígena/Nativa americana/Nativa do Alasca; Oriente Médio/Norte da África; Havaiano nativo ou outro ilhéu do Pacífico; Outra raça ou etnia sub-representada; LGBTQ+; Pessoas com deficiências cognitivas ou físicas, ou surdas ou com deficiência auditiva.



Todas as categorias, exceto Melhor Filme, serão mantidas de acordo com seus requisitos de elegibilidade atuais.


Os filmes em categorias especiais submetidos para consideração de Melhor Filme/Inscrição Geral (por exemplo, longa-metragem de animação, documentário e longa-metragem internacional) serão tratados separadamente.


Writer's Room 51 é uma vitrine online de projetos audiovisuais autorais.

Newsroom 51 é um portal afiliado de artigos sobre cinema, TV e streaming.

  • Branco Facebook Ícone
  • Branco Twitter Ícone
  • Branca Ícone Instagram
  • Branca Ícone LinkedIn